Arquivo de tag personagens

porMelissa de Sá

Resenha de Livro: A Menina que Roubava Livros

Essa semana fui ao cinema assistir o instigante A Menina Que Roubava Livros, adaptação do livro homônimo de Markus Zusak. Mas antes que eu registre aqui minhas opiniões sobre o filme, gostaria de republicar um texto que escrevi sobre o livro, datado na época que o li. É uma resenha (?) de setembro de 2007 (putz, 7 anos quase!) que foi publicada em um dos meus blogs antigos e tem o nome de “Assim como Liesel”.

Uma viagem no tempo das resenhas. Veja o que meu eu de 7 anos atrás tinha a dizer sobre esse livro inesquecível e sobre boas histórias. Ler mais

porMelissa de Sá

Top 5 Variações Favoritas

Todos sabem que eu adoro ballet clássico, que inclusive faço aulas. Mas eu também adoro assistir vídeos de ballet (santo youtube!) e coleciono minhas variações favoritas, minhas interpretações queridas dos repertórios. Nesse post, decidi fazer meu Top 5 Variações Favoritas dentre os ballets de repertório famosões.

Se você gosta de ballet clássico, dê uma olhada na lista e não deixe de comentar quais são suas variações favoritas. Se você não sabe nada de ballet, confira a lista assim mesmo e veja vídeos de dança curtinhos e super legais. Ler mais

porMelissa de Sá

Eu sou Elizabeth Bennet!(?)

Esse foi o resultado do teste Qual heroína de Jane Austen você é?. Para fazer o teste, é só entrar no blog Por Essas Páginas. [O teste está em inglês]

Elizabeth Bennet talvez seja uma das mais conhecidas heroínas de Jane Austen. Protagonista do romance Orgulho e Preconceito, Elizabeth é uma jovem fora das convenções sociais de sua época. No entanto, ela não tem ideais loucos de amor ou ambições desmedidas. Lizzy (como os fãs de Austen a chamam frequentemente) tem o pé no chão e não aceita idéias pré-estabelecidas sem refletir.

Então, poxa o que é que eu tenho em comum com Miss Bennet???? Fora lá meu quê para roupas da era regencial (aaaaaaaaaaaawn elas são lindas), talvez meu grande elo com a personagem seja o fato de que apesar de ser uma pessoa racional, ela tem lá seus acessos de passionalidade aparentemente sem motivo. Gostar demais de uma coisa, apesar de ser versátil. De repente ter vontade de sair correndo, rindo, sem motivo. Essas coisas que fazem a vida ser mais brilhante.

E vocês, qual heroína de Jane Austen você é?

 

%d blogueiros gostam disto: