mulheres

“Mother”, de Lita Ford (ou como você se surpreende com algumas coisas)

Essa foi uma das vezes eu que eu fui surpreendida por gostar de alguma coisa que achei que nunca gostaria. Contra todos os motivos óbvios embasados no meu gosto musical, tipo psicológico e chatice aguda, ouvi “Mother”, nova música da Lita Ford, e, estranhamente, gostei.

Oi vida, me explica isso?

Continue lendo pra entender o meu drama.Continue a ler »“Mother”, de Lita Ford (ou como você se surpreende com algumas coisas)

Discografia e História: The Runaways PARTE 5: Waitin´ for the Night

E nada melhor do que passar o Carnaval com um pouquinho de bom e velho rock and roll, não? Então vamos pra sequência da história da banda estado-unidense The Runaways. E esse post vai abordar o conturbado período que se seguiu à turnê japonesa de 1977.

Como sempre, esse é um post do projeto Born to Be a Runaways Fan e as informações que uso foram declarações da própria banda. Para conferir a bibliografia, dê uma olhada nos posts anteriores.

Confira o período pós-Japão e a nova formação da banda na segunda metade de 1977.Continue a ler »Discografia e História: The Runaways PARTE 5: Waitin´ for the Night

Discografia e História: The Runaways PARTE 4: Live in Japan

E finalmente mais um post da sequência que conta a história e a discografia da banda estado-unidense The Runaways e nada mais apropriado do que voltar essa coluna com a parte mais memóravel da história da banda que é a turnê japonesa de 1977.

Lembrando que esse post é parte do projeto Born to Be a Runaways Fan e que as fontes que eu uso para contar essa história são depoimentos ligados às integrantes da banda. Para conferir o que aconteceu nos anos anteriores da banda, clique aqui, e dê uma checada na bibliografia!

Depois da gravação de Queens of Noise, a Mercury Records, então gravadora das Runaways, investiu pesado em marketing para o novo álbum e para a nova turnê. A campanha englobava a confecção de camisetas, outdoors pela cidade e uma nova turnê nacional que dessa vez foi feita de avião e não num carro apertado, o que demonstrava um aumento da popularidade e do arrendamento da banda, o que não significava, é claro, que as garotas estivessem recebendo algum dinheiro.Continue a ler »Discografia e História: The Runaways PARTE 4: Live in Japan

Resenha de Música: “Both Before I´m Gone” (Girl In A Coma)

Uma das grandes alegrias da vida é descobrir que ainda existem pessoas com talento verdadeiro nesse mundo, onde, infelizmente somos bombardeados com produtos que vivem às custas de efeitos de estúdio e visuais de videoclip. Tem gente que até diz que não existem mais bandas de verdade depois dos anos 2000 e apesar de eu não querer ser tão drásticas,… Continue a ler »Resenha de Música: “Both Before I´m Gone” (Girl In A Coma)

Quem tem medo do feminismo? E o que é um objeto?

Outro dia estava lendo um post do blog A Melhor das Intenções quando me deparei com o seguinte comentário que me deixou bem, digamos, surpresa. Segue o comecinho do post: Na sua opinião, o que é machismo? Reparem que estou perguntando a respeito de sua opinião e não a definição que a sociedade adota para a palavra. Não me considero uma… Continue a ler »Quem tem medo do feminismo? E o que é um objeto?

Outro encontro musical apocalíptico: Heart e Fergie

O mundo do rock está em apocalipse. É sério. Os anjos irão descer dos céus com suas espadas flamejantes. Um meteoro está vindo de encontro com a terra. O aquecimento global vai aumentar. Como você preferir. Depois de Joan Jett cantando com Miley Cyrus no programa da Oprah e Brian May considerando Lady Gaga para ser a vocalista do Queen em… Continue a ler »Outro encontro musical apocalíptico: Heart e Fergie