Arquivo de tag blog

porMelissa de Sá

Quando tudo muda

No último mês foram várias as vezes em que pensei em dar uma pausa, sentar a bunda na cadeira e postar aqui. Mas como? Se tudo mudou de uma hora pra outra? Se a vida deu uma acelerada louca e eu não tive tempo de processar?

Mas não se preocupem que agora tudo já está se ajeitando. Quer dizer, eu comecei a ajeitar as coisas. Quando tudo muda, acabamos descobrindo quem realmente somos e do que somos capazes.

Eu acho que todos somos muito maiores do que aparentamos ser.

Até o fim do ano: tem o final das Runaways (finalmente!), um pouco sobre minhas publicações mais recentes e as crônicas do ballet.

porMelissa de Sá

Um Feliz Natal e muito obrigada!

Olá pessoal! O Natal chegou e já está indo e eu queria fazer uma pontinha aqui para desejar um monte de coisa boa pra todo mundo e agradecer a todos vocês, meus queridos leitores, que seguem esse blog.

Eu sei que todos vocês já passaram da cota das mensagens natalinas clichés, então vou ser breve. Gostaria apenas de dizer um grande-enorme-gigante obrigada por vocês terem me acompanhado mais esse ano. Sei que esse blog junta um monte de gente diferente: aqueles que acompanham os posts sobre as Runaways, os que gostam dos meus contos e livros publicados, os amigos que gostam de ler o que escrevo, os companheiros escritores que gostam de discutir processos de criação e até o pessoal do ballet. Sei que esse blog é uma salada de frutas, o encontro de um monte de gente totalmente diferente. Mas sabe, assim é a minha vida. E eu fico feliz que os vários aspectos dela possam se encontrar aqui nesse espaço, onde podemos trocar ideias e impressões.

Um Feliz Natal para todos vocês!

Ah, e lembrem-se que Noites Negras de Natal e outras histórias, meu livro de contos natalinos de terror com a Karen Alvares, está disponível gratuitamente na Amazon até sexta-feira (27/12). Clique aqui para baixar. Aproveitem essa leitura natalina.

porMelissa de Sá

Olá mundo (de novo) e as 5 coisas que aconteceram enquanto eu não aparecia por aqui!

Ao contrário do que andavam dizendo por aí, não, eu não morri e não abandonei este blog. A questão é que váaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaarias coisas aconteceram nesses últimos tempos (boas e ruins) e a vida me separou dessas páginas online. Acontece.

Mas eu não esqueci de vocês e inclusive guardei cada palavra de atenção e carinho de todos, cada pedido de volta. Vocês são mesmo os melhores leitores que alguém pode ter. E agora que estou de volta já digo que estou fechando mais posts sobre The Runaways. É, eu sei que esse é um favorito.

Então vamos às 5 coisas que aconteceram enquanto eu não estava por aqui. Ler mais

porMelissa de Sá

Olá mundo, temos mudanças no blog!

Sim, leitores fiéis, eu ainda estou viva! A ausência de posts por aqui foi por conta do excesso de trabalho mesmo e também por causa de algumas mudanças que eu estava planejando aqui para o blog!

Foram muitas emoções nesses últimos tempos que incluíram a minha primeira publicação! Vocês podem conferir como foi o evento e ver algumas fotos aqui e saber mais sobre o livro Dias Contados Vol.3aqui. Estou com livros para vender aqui em casa, então se você se interessa por contos sobre o fim do mundo, não fique de fora dessa. O preço do livro é R$19,90 + frete; pra comprar é só enviar um e-mail para melissacdesa@gmail.com. O nome do conto que escrevi é “Uma Canção para o Fim” e eu já falei um pouquinho sobre ele aqui.

Eu entre a Lucy do blog “Por Essas Páginas” e a escritora Karen Alvares no lançamento das antologias da Andross.

Vejam as super mudanças aqui no blog! Ler mais

porMelissa de Sá

Pra que é que escreve num blog, hein?

Que blogueiro nunca ouviu essa pergunta? E mais, essa pergunta acompanhada de comentários do tipo: mas você escreve assim o que você pensa, pra quê? Mas você escreve de graça? Mas você não sempre fala que tá ocupada, como é que você desperdiça seu tempo num troço desses? E tem gente que lê? Mas eu entrei no seu blog e não tem comentário nenhum, então pra quê você continua escrevendo?

Hã…

"Eu penso, logo blogo"

Então, é um troço complicicado e imagino que seja bem pessoal. Eu tenho um troço com escrita. Sério. Desde pequena eu lembro de ter um caderno com capa da Miney onde eu as escrevia histórias que eu inventava. Mais tarde virei ficwriter, escrevendo histórias baseadas na série Harry Potter. Depois eu entrei pra faculdade de Letras e comecei a escrever trabalhos acadêmicos. A minha trajetória inteira é marcada por escrever e comentar. A relação com o blog vem disso. É um jeito da coisa não ficar só na minha cabeça e é um jeito de eu ter mais disciplina. Por mais que eu não atualize todos os dias, fica uma luzinha na minha cabeça acendendo ESCREVE NO BLOG ESCREVE NO BLOG, aí eu escrevo. Simples assim.

Já tive uns 10 blogs ao longo da vida. Todos abortados em menos de um ano. Atualmente tenho dois: esse e o Livros de Fantasia (só para resenhas/comentários de livros do gênero). Os dois têm mais de um ano de vida e vão bem. O que fez com esses dois blogs vingassem e os outros não?

Sei lá.

Mas escrever nesses dois tem sido no mínimo terapêutico. É um jeito de eu ficar sempre em contato com a palavra escrita, sem cair no extremo de ser super informal (tipo meu antigo caderninho da Miney) nem super formal como os trabalhos da faculdade. Além disso, ler e escrever em blogs me ajuda a formar opinião. Ajuda mais que assistir TV, sabia?

"Como blogar: aqui está tudo o que você precisa saber"

Hoje em dia tem blog de tudo. Tem blog pra te ensinar a passar no vestibular, a prova da OAB (juro que tem!!! joga no Google), blog pra troca de receita, blog que contas as últimas do Big Brother Brasil pra quem não tem TV a cabo e até blog te ensinando a fazer um blog de sucesso. Então, em que categoria se enquadra esse meu blog aqui?

Então, aqui eu falo de filmes e livros, algumas coisas sobre mim, algumas coisas que eu penso e principalmente, falo sobre minhas obcessões pessoais. hahahaha Porque eu sou chata. Quando eu gosto de uma coisa fico apurrinhando as pessoas por conta dessa coisa e postar sobre essa coisa no blog me faz chatear menos pessoas e manter os amigos. rs

Isso aqui, como o nome diz, é um Mundo de Coisas Minhas. Então não sei muito bem definir o que esse blog É, então vou para o que esse blog NÃO É:

  • Uma forma de ganhar dinheiro.

Sinceramente, não tenho intenção nenhuma de encher isso aqui de anúncio e ganhar uma grana por acesso, cliques, e bla bla bla. Meu objetivo não é ter um número bombante de acessos e ganhar páginas de fãs no Facebook ou virar uma celebridade online e de repente sair por aí virando garota-propaganda de sabão ou qualquer coisa assim. É um lazer, não um negócio.

  • Uma forma de me auto-promover.

Não, não quero ser famosa e ganhar a tal página de fã do Facebook que citei acima. Não quero aparecer no CQC nem nada. Não tenho nenhum peixe pra vender. Claro que quero comentários e talz, mas isso pra sentir uma reciprocidade, uma troca de idéias, não para idolatrar minha personalidade e virar uma figurinha carimbada.

  • Um lugar detonar o mundo e falar mal dos outros.

Uma das dicas desses blogs para tornar o seu blog um blog de sucesso é justamente falar mal das coisas, reclamar, usar frases de efeito. Okay, de vez em quando eu fico fula da vida e falo mal dos outros. Inclusive, o post em que falei mal de alguém foi o post que mais me rendeu acessos em toda a história. Foi o post do José Wilker na transmissão do Oscar: 1413 acessos em um dia. Fui até parar no top5 do WordPress Brasil. Só que eu pensei: eu quero realmente ganhar acessos só porque falei mal de alguém? Hã, não. Blog de haters é sucesso na certa, mas eu não acho isso legal. Se não a gente cai no risco de ficar igual o Felipe Neto, odiando tudo sem fundamento e transmitindo frases de efeito que ficam cada vez mais sem efeito.

  • Um lugar para provar que eu sou cool e moderinha.

Definitivamente não! Pra que eu faria isso? Eu nem sei mexer no Twitter, fala sério!

Não sei se isso tudo realmente responde a pergunta do título, mas pelo menos a ajuda a delimitar um espaço. Então vocês que me lêem (sim, eu acredito que vocês estão realmente aí e que os acessos contados no WordPress não são só pesquisas que o Google mandou pro lugar errado), esperem resenhas, comentários de filmes e livros, mais posts sobre The Runaways (sim, eu sei que tenho um probleminha sério rs), coisas sobre feminismo, idéias para projetos meus, pensamentos sobre a vida e sobre minha adolescência anos 2000. Porque é isso.

"Blogar ou não blogar: eis a questão". Super batido já, mas é verdade.

porMelissa de Sá

Tag: Selo de Qualidade!

Lucy, amiga querida do blog Chocolateria da Lucy, me indicou como um de seus blogs que valiam uma tag de Selo de Qualidade (ali logo acima). Eeeeeeeeeeeeeh! *dança feliz* A regra agora é indicar outros 10 blogs e falar 10 coisas a meu respeito. Então vamos lá.

Eu indico:

The Pavania
Automatic Stop
Grifo Nosso
Viajando sem Dinheiro
Meus Outonos e Primaveras
Cavernas e Dragões
Leitora Compulsiva
Viagem Literária
Recanto da Chefa
A Melhor das Intenções

Agora as 10 coisas sobre mim:

– Eu amo doce de leite!;
– Sou viciada em Harry Potter;
– Fantasia é meu gênero literário favorito;
– Adoro passar a tarde com meu namorado jogando conversa fora;
– Tenho medo de filmes muito violentos;
– Já escrevi um livro;
– Já virei a noite na internet quando tinha 15 anos;
– Tenho 87 anos na verdade e por conta disso saio com os amigos e vou pra sorveteria rs;
– Eu era uma criança que cantava música sertaneja;
– Minha banda favorita é Rush;

Passe a tag para frente e não se esqueça de avisar os blogs que você deu a eles o Selo de Qualidade.

%d blogueiros gostam disto: