Leituras de 2014

Em janeiro, sempre posto aqui no blog um histórico das minhas leituras do ano anterior. Em 2010 e 2011, fiz uma lista de todos os livros que li, marcando meus favoritos. Ano passado, decidi fazer algo mais divertido e participei da Retrospectiva Literária. Dessa vez escolhi um meme do Skoob que circulou no Facebook, mais simples, mas condizendo mais com meu espírito literário no momento.

skoob

Vamos lá conferir minhas leituras mais marcantes de 2014?

1) O melhor livro que li este ano: Os Mentirosos, de E. Lockart.

Comecei a ler esse livro despretensiosamente, por indicação de uma amiga. Qual não foi minha surpresa quando não consegui largar mais? A trama é muito bem bolada, surpreendente e forte. Tenho que lembrar de fazer uma resenha aqui pra vocês.

2) Surpreendeu positivamente: O Teste, de Joelle Charbonneau

Comecei achando que seria mais uma distopia normal e terminei extremamente empolgada. A protagonista, Cia, é ótima e bem desenvolvida. A trama é frenética e interessante. Tem resenha desse livro aqui, no meu blog literário, Livros de Fantasia.

3) Surpreendeu negativamente: O Útimo Sacrifício, de Richelle Mead

Eu não esperava um desfecho brilhante nem nada incrível do último volume da série Academia de Vampiro (guilty pleasure rs), mas certamente eu esperava algo um pouco mais satisfatório. Matei o mistério logo no começo, o casal principal me irritou no mi mi mi e achei a resolução da trama apressada. Depois de um penúltimo volume tão bom, esse aqui terminou a série de um jeito blá. Tem resenha do livro aqui, também no Livros de Fantasia.

4) Abandonei, mas vou dar uma chance: –

Não abandonei nenhum livro esse ano. 🙂

5) Leitura boa, mas difícil: Murder in the Dark, de Margaret Atwood

Esse pequeno livrinho de contos e prosa poética é incrível, mas é daquelas leituras em que é preciso garimpar. Nada de moleza, precisamos pensar. Mas o livro tem frases e imagens maravilhosas. Só de falar nele, tenho vontade de ler de novo. Atwood não é uma das minhas escritoras favoritas à toa. Tem resenha dessa coletânea de textos aqui.

6) Chorei de soluçar: Um Dia, de David Nicholls

Chorar? Isso aqui foi uma maré emocional depressiva. Sim, o livro é ótimo e sim, vale a pena ler. Mas ele acabou comigo. Tem resenha dele aqui.

7) Divertido: “The Schroedinger Show”, de Carlos Orsi; “Aristocracia Perdida”, de Fabiana Madruga e “Rosas”, de Ana Lúcia Merege

Calma calma! São três contos diferentes e são três tipos diferentes de diversão. “The Schroedinger Show” vem com aquele humor mais absurdo, misturando celebridades e física quântica. Já “Aristocracia Perdida” me fez rir da adolescência rica e perdida de uma turma nos anos 80 no Rio de Janeiro. E “Rosas” veio com aquele humor negro, horroroso, daqueles de filme britânico. O conto é sórdido, mas eu me diverti. Tem resenha de todos esses contos. É só clicar nos títulos.

 8) Próxima leitura: Sombras Vivas, de Cornelia Funke

Continuação do maravilhoso A Maldição da Pedra. Cornelia Funke é vida, gente.

 9) Quero ler, mas ainda não tenho: A Formatura, de Joelle Charbonneau

 Tem muita coisa que eu quero nessa vida, mas esse seria o mais imediato. Afinal, é o último volume da trilogia O Teste.

10) Convide 5 amigos para responder.

Responda quem quiser, seja nos comentários, seja no Facebook mesmo.

Foram míseros 28 livros lidos em 2014. Mas também minha vida mudou de ponta a cabeça nesse ano. A grande maioria das minhas leitura foi literatura nacional na forma de ebook. 🙂 Quem quiser ver minha lista completa, é só acessar minha estante no skoob aqui.

Marcações:

4 comentários em “Leituras de 2014”

    1. Então, Ju, sobre o Último Sacrifício: Não espere uma grande resolução em termos de trama. Se você gosta de Dimitri/Rose, vai ser mais fácil você gostar.

      Leia Mentirosos! É incrível!

Comente!