Conheça Noite de Caça!

porMelissa de Sá

Conheça Noite de Caça!

“Noite de Caça” é meu novo conto de fantasia urbana. A protagonista é Carol, uma Caçadora de Demônios, responsável por deixar Belo Horizonte livre das forças das trevas. Nesse conto, vamos acompanhá-na numa ronda noturna pela região norte da cidade, atrás de uma das maiores lendas urbanas da região.

11750717_913307922044734_3270152222757730788_n

“Noite de Caça” está por apenas R$1,99 na Amazon. Mas quer saber mais um pouquinho dessa história?

O sol se pôs e Carol colocou a jaqueta. Deu um bejo no rosto da avó, prendeu os cabelos num rabo de cavalo e pegou as chaves do Gol 81. No porta malas, três espingardas com balas de prata, uma pistola com munição de alho, um arpão e sete facões. Ótimo.

Fiz o conto para participar do concurso da Amazon #brasilemprosa e foi uma das histórias que mais me diverti escrevendo. Sempre quis criar alguma coisa com as lendas urbanas da minha cidade (Loira do Bonfim, Demônio da Vilarinho, etc) e foi muito legal levar Carol até as ruas de Venda Nova, região da cidade onde vivi durante muitos anos.

Carol é uma Caçadora de Demônios rock and roll. Para escrevê-la, ouvi muito My Chemical Romance, ACDC e The Clash. É atirar primeiro e perguntar depois. Ela é uma protagonista descontraída e girl power perambulando pela noite belo-horizontina. Qual é a lenda urbana que ela vai enfrentar? Vou deixar para quem ler o conto.

“Noite de Caça” está disponível por apenas R$1,99 na Amazon. Você pode ler esse conto numa só sentada no seu tablet, celular, computador ou e-reader.

Clique aqui para comprar.

Aproveito para agradecer imensamente à Karen Alvares, que foi quem revisou esse conto. 🙂

Sobre o Autor

Melissa de Sá administrator

Melissa é escritora e fica hiperativa com açúcar. É autora da distopia Metrópole: Despertar, publicada pela Editora Draco em 2016, e do livro infantil A Última Tourada, adotado em centenas de escolas no Brasil. Tem contos publicados em diversas antologias das editoras Draco, Buriti e Cata-vento.

1 comentário até agora

MARIZA NUNESPostado em11:53 pm - ago 15, 2015

AMO LENDAS URBANAS,APESAR DE CRER QUE NEM SEMPRE SÃO LENDAS,POIS COMO SURGEM AS TAIS LENDAS,COMO SOMEM PESSOAS TODOS OS DIAS? MISTÉRIOS DA NOITE,BEM VAMOS A CAÇA.PARABÉNS.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: