Desculpa interromper professora, mas é que eu tenho um amigo…

porMelissa de Sá

Desculpa interromper professora, mas é que eu tenho um amigo…

Quem é que nunca teve um colega de sala que levantava a mão a cada cinco segundos para dar um maravilhoso exemplo de cinco minutos? Ou já não viu alguém que teve a brilhante idéia de fazer um resumo sobre o que a professora acabou de dizer? Quem nunca conheceu uma criatura que desconhece a falta de bom senso e responde todas as perguntas que o professor faz, inclusive as retóricas?

Esses seres podem ser divididos em três grandes grupos:

Mamãe-diz-que-sou-foda: Esse tipinho não tem o que fazer em casa, então sempre lê os textos, até os suplementares, e fica posando de caxias durante a aula fazendo perguntas difíceis para o professor só para mostrar que é inteligente. Se você tem uma criatura dessas na sua sala, então provavelmente a sua aula é um diálogo eterno entre o professor e esse infeliz. É importante lembrar que esse diálogo não tem necessariamente que fazer conexão com a matéria.

Joãzinho: O Joãozinho quer entender tudo, e por tudo, tudo mesmo. Ele quer os mínimos detalhes. Ele quer escanear tudo. Ele faz até perguntas de vocabulário! Se o professor citou alguma coisa que ele nunca ouviu falar, ai ai ai, cuidado porque Joãozinho vai levantar a mão e perguntar e o professor vai ficar horas e horas explicando. Joãozinho também tem uma tendência a contar histórias pessoais e fazer associações com personagens de novela e primos de segundo grau.

Joselito: Como sempre, presente em todas as categorias. Joselito é aquele cara que está numa aula de Literatura Inglesa do Século XX e começa a falar do ecologismo facista de Avatar. (????) É alguém tão gênio que consegue associar Beatles com Edgar Allan Poe! Joselito também já leu o resumo de vários livros do Nietzche (how do you spell it, for God´s sake!), resenhas de filmes iranianos e comentários dos livros do Paulo Coelho.

Sobre o Autor

Melissa de Sá administrator

Melissa é escritora e fica hiperativa com açúcar. É autora da distopia Metrópole: Despertar, publicada pela Editora Draco em 2016, e do livro infantil A Última Tourada, adotado em centenas de escolas no Brasil. Tem contos publicados em diversas antologias das editoras Draco, Buriti e Cata-vento.

3 Comentários até agora

LucivâniaPostado em10:06 pm - ago 29, 2010

Céus, de repente fiquei com medo de mim mesma e to pensando até agora se me encaixo em algumas dessas categorias. hahaha

    MelissaPostado em10:09 pm - ago 29, 2010

    hahaha Lucy, eu sou super participativa na aula também. Só que eu acho que tenho um bom senso, sabe. Tem gente que simplesmente acha que a sala de aula é ele e o professor, que ninguém mais existe.

Ana GabiPostado em11:18 am - ago 31, 2010

Amei esse post seu, Mel!! = ]
Eh bom pra eu ir me preparando para quando for professora, neh?
rs!

abracos!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: